domingo, 1 de junho de 2008

Quero ser todo teu




Quero ser o teu jardim secreto,

e o teu manjar predileto
Quero ser o objecto
das tuas noites de pesadêlo
e, que fique em segredo,
quero ser o teu brinquedo!

Quero ser o teu dia sereno,
o beijo doce e sereno
e me fazer bem pequeno
para quando o amor chegar
e, se espraiar no meu olhar,
esquecer tudo e te amar!

Quero ser o teu algoz,
te deixar sem voz
e te possuir de um jeito feroz
Quero ser também a doçura
que se derrete em ternura
e a luz da noite escura

Quero ser o teu diário,
a razão do teu fadário
e o mel do teu calvário
Quero ser a teu fado,
o teu doce pecado
e o teu homem muito amado

Quero ser todinho teu,
um pedacinho do céu
e, deixando de ser eu,
me oferecer em sacrifício
para ser o teu vício
e poder saciar o teu cio

Quero ser simplesmente
o ausente sempre presente
que te faz ficar doente
e, sobretudo, quero ser
aquele que te dá muito prazer
e te faz sentir mais mulher

Eu quero ser aquele abraço
que sublima o teu cansaço
e o frémito do teu regaço
que o amor faz explodir,
o bobo que te faz sorrir
e o amor que há-de florir

Eu quero ser a espada
sempre desembainhada
para defender a amada
Quero ser a nascente
onde vais saciar o amor ardente
ou afogar a paixão delirante

Quero ser, sei lá qua mais,
o eco dos teus ais,
o caminho por onde vais
Quero ser também e ainda
a Esperança infinda
e, sobretudo teu, minha linda !!!

LUD
MacMartinson

Um comentário:

Anonymous disse...

Meu doce pecado,meu vício,sacia meu cio,só tu podes me dar um pedaço do céu,deixe a loucura da paixão preencher cada pedaço de ti,sou tua me faça mais mulher,és o meu homem encha de amor esse coração que havia desistido de se dar,e estava morrendo ........