quinta-feira, 9 de março de 2017

Livre fosse !

LIVRE FOSSE !


Livre eu fosse e muito amada você seria,
ungindo a sua alma doce, donde a magia
correndo pelo seu corpo dócil e sedoso,
imerso num frenesim indómito e gostoso !

Por onde for, te levarei como a mais bela,
elegante, sedutora e ingénua Cinderela,
resgatando os dias mórbidos de solidão,
enquanto a saudade me consumia a razão!

Imaginando a vida de sonho, que eu teria,
ressuscitei a fé na Liberdade, que  me daria, 
o passaporte para um mundo de Felicidade !

Se assim não quiser Deus ou a fatalidade, 
que decretada seja, e na maior celeridade,
a incineração de tudo que sonhei um dia !


Lud MacMartinson
Barra - Reserva, 08-03-2017

2 comentários:

Anônimo disse...

Um retorno protegidinho p/o frio q gostas.
DEUS te abençoe hj e smp.
Feliz porque respiras.

Sua admiradora anônima.
07:11hs

Lud MacMartinson disse...

Sinceramente não veja quem possam ser as anónimas: do hemisfério norte ou do sul? De Vénus, de Marte ou de qualquer parte da Terra... Com um sinal, talvez descodifique !!!