Lady

quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Mulher Plena !

MULHER PLENA


Como uma esposa submissa eu te aguardo,
para, perfumada, intensamente me oferecer,
mas depois de me usar, mais pareço um fardo
e a poça onde você joga o meu brio de Mulher !

As esperas ansiosas estão virando pesadelo,
tanto medo eu tenho dessa posse vil e abjeta:
o amor puro e inocente, de em sonhos vivê-lo,
a minha tão indelével felicidade deixou infecta !

Por isso, agora me outorgo o direito e o dever
de amar quem me respeitar a minha candura
e souber exorcizar os anseios da alma pura !

Ao meu coração juro obediência e lealdade,
pois só o homem digno da minha intimidade,
conhecerá a plenitude do amor de uma Mulher !


Lud MacMartinson
LMMP
Luxemburgo, 04-08-2016

Nenhum comentário: