Lady

segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Devaneio




Esta noite, confesso, te amei
nos braços de outra mulher
e, te sonhando, experimentei
a inefável essência do prazer

Não sei se será minha a sina
de amar e de viver assim,
escravo de quem me fascina
e tanto se apodera de mim

Me suplica a doce insensatez
que te possua com altivez,
para poder renascer outra vez,

Mas eu sei que um dia a vida,
nestes braços fará guarida
a quem por mim vive perdida...




LUD
MacMartinson

Um comentário:

Anonymous disse...

Não importa com quem estejas e sim o que teu coração está sentindo,quantas vezes nos vemos por fôrça de várias situações que nos são impostas pela vida, fazendo ou vivendo momentos roubados e transformando em realidade sonhos que nos pareciam impossíveis, mesmo que atravès de uma outra pessoa.......mas é a vc que eu amo, desejo,possuo,com toda a intensidade de meu corpo e minha alma......