terça-feira, 21 de outubro de 2008

Rosa Branca e perfumada



Rosa branca e perfumada,

que tantas vezes eu cheirei,
tão pura eras e tão amada,
foi por ti que me apaixonei

Agora sigo a minha estrada
sem saber aonde eu irei
porque sem ti não sou nada
e, sozinho, me perderei

A minha sina está traçada,
nas estrelas guardada a sei,
mas com a Fé e a espada,

por Deus e por ti vencerei,
porque à Felicidade sagrada
no meu coração guarida dei...


Lud MacMartinson
LMP - Luxemburgo

Nenhum comentário: